domingo, 27 de novembro de 2011

NOTICIAS DIRETO DE FOZ

MESQUITA OMAR IBN AL KHATTAB RECEBE VISITA DE EDUCADORA DA SAUDE



A Mesquita Omar Ibn Al-Khattab recebeu na última sexta-feira, a visita da educadora Roseli Santana , que trabalha no Centro de Controle de Zoonozes em Foz do Iguaçu.A profissional, esclareceu algumas dúvidas dos fiéis com relação ao controle da dengue. A Mesquita esta apoiando o combate ao mosquito causador da doença, e também, ações que possam contribuir com o bem estar da sociedade e do ser-humano.


TERCEIRA NOITE DE VIGILIA EH REALIZADA NA MESQUITA OMAR IBN AL KHATTAB


Foi realizada a 3° Noite da Vigília realizada na Mesquita Omar Ibn Al-Khattab, em Foz do Iguaçu. A vigilia foi realizada na noite de sabado, dia 26 de Novembro e contou com a participaçao de toda a comunidade sunita da cidade.

Fonte: http://islam.com.br/

sábado, 26 de novembro de 2011

ASHURA

O ano de 1433 d.H chegou, com isso vem os primeiros dias do mês de Muharram, e com isso a Ashura. Essa postagem tem como objetivo mostrar quais as diferenças desta celebração para Sunitas e Xiitas e como os xiitas de algumas partes do Brasil comemorarão a Ashura.

Ashura Sunita: Os sunitas acreditam que este é o dia que Moisés jejuou em gratidão a Deus pela liberação dos judeus do Egito. Na Sunnah se encontra uma passagem dizendo que o Profeta Muhammad (SAWS) jejuou nesse dia e pediu para que outros muçulmanos fizessem o mesmo. É tido como um dia de muitas bênçãos.
Ashura Xiita: É a celebração do martírio do Imam Hussein (AS), terceiro Imam dos xiitas e neto do Profeta Muhammad (SAWS) no dia de Ashura na Batalha de Karballah, no atual Iraque. A celebração dura dez dias e é vista como um tempo de lamentação e tristeza pela morte de Hussein (AS).



CELEBRAÇAO NO BRASIL:

MESQUITA DO BRAS (CENTRO ISLAMICO DO BRASIL)

As celebrações começam no dia 27 de Novembro de 2011, todos os dias após as orações do Maghreb (Crepúsculo) e Isha (Noite). Segue abaixo o convite para as celebrações:



MESQUITA DE FOZ DO IGUAÇU (SBIFI)



Começa hoje, sábado 26, ás 21h, na Sociedade Beneficente Islâmica de Foz do Iguaçu, o período de luto em memória ao Íman Hussein. Considerado pelos xiitas como o terceiro na linha de sucessão, o pregador foi assassinado junto com toda a família e 72 seguidores.
A Ashura – que significa sacrifício e morte – será realizada por dez dias. No décimo, o dia do luto maior, e lembrado os últimos momentos, antes da morte. Hussein era filho do Iman Ali, o primeiro sucessor do profeta Mohammad – o fundador do Islã.
O episódio ocorrido há 14 séculos é um dos mais trágicos durante a confirmação da última religião a ser proclamada, após o Cristianismo. O senhor dos Mártires como é chamado pelos seguidores teve a cabeça decepada e entregue a filha dele em uma bandeja de prata.
Segundo o Alcorão – livro Sagrado para os Muçulmanos – os golpes de espada, culminando com a morte do grupo foi apenas o ato final de um martírio de 40 dias sem água e nem comida.
Para reforçar o sentimento de luto, todo o prédio da Sociedade Beneficente Islâmica de Foz está sendo coberto com tecido preto. Nos dias de oração, homens e mulheres também vestem luto.
A narrativa da morte que acontece em estações é toda recitada, transformando o ambiente em um lamento. Este ano, como em anos anteriores, um sheik veio do Líbano para presidir os encontros.
A exemplo do ano passado, quando pela primeira vez a Husseinieh – Casa de Hussein – foi aberta comunidade, este ano também o convite é para todos.
Retirado de:

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

ENCONTRO NACIONAL DE SOLIDARIEDADE AO POVO PALESTINO



Acontecera nos dias 25, 26 e 27 de Novembro de 2011, o I ENCONTRO NACIONAL DE SOLIDARIEDADE AO POVO PALESTINO. Sera realizado no ENFF, em Guararema, São Paulo. A inscriçao tem o valor de R$150,00 tendo direito a varios beneficios. A primeira parte da programaçao sera ecumenica, com a presença de lideres de outras religioes, ainda haverao palestras sobre economia e sociedade.

Para aqueles que desejarem participar, segue os dados abaixo:

I ENCONTRO NACIONAL DE SOLIDARIEDADE AO POVO PALESTINO

DATA: 25, 26 E 27 DE NOVEMBRO DE 2011

LOCAL: ENFF - Rua José Francisco Raposo, nº 1140, Bairro Parateí (no km 175,5 da Rodovia Dutra, sentido SP), Guararema, São Paulo. Tel.11-4062-1215 ou correio eletrônico "Secretaria Geral"

INSCRIÇÃO:
A taxa para inscrição/participação no encontro é de 150,00 para os 3 dias (ou 50,00 por dia), com direito à café da manhã (7h00-8h00), café (10h00-10h15), almoço (12h00-13h00), café (16h00-16h15), janta (19h00-20h00) e alojamento (favor trazer lençol).

Para receber a programaçao do Encontro, mande um e-mail para:

Esse evento eh uma divulgaçao de:

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Ultimas Noticias

CIB E CPICI DO IRAN FAZEM PARCERIA



Foram acertados ontem, na cidade iraniana de Qom, entre o presidente do Centro Islâmico no Brasil, Sheikh Taleb Hossein Al-Khazraji, e o presidente do Centro de Pesquisas Informatizadas de Ciências Islâmicas, Sr. Mohsen Moschi, os primeiros detalhes para o lançamento de um software que apresentará integralmente todos os livros publicados pelo Centro Islâmico no Brasil em português, a fim de ser distribuído para todos aqueles que se interessam pela literatura islâmica mas preferem utilizar os meios digitais.
Esta será uma iniciativa inédita no campo das publicações islâmicas em língua portuguesa, fruto de uma grande parceria que se inicia entre o Centro Islâmico no Brasil, a maior instituição e editora islâmica no Brasil, e o Centro de Pesquisas Informatizadas de Ciências Islâmicas de Qom, o maior centro de software islâmico no mundo.

Qom, 21 de Novembro de 2011.

EMOÇAO E BELEZA NA CERIMONIA DO TAKLIF EM FOZ DO IGUAÇU



Em Foz do Iguaçu, uma das maiores comunidades libanesas do Brasil, meninas apresentaram a cerimonia do Taklif, cerimonia na qual as meninas colocam o veu. A cerimonia foi marcada por muita emoçao e beleza, e teve presença de lideres religiosos de varias partes do Brasil na mesma.

ALI ACHCAR VISITA MESQUITA DO PARI

Ali Achcar, um dos religiosos mais importantes do Rio Grande do Sul, visitou a Mesquita do Pari, localizada no bairro do Pari, no centro de Sao Paulo. Ele aproveitou a visita para dar algumas palestras na mesma.

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

COMUNIDADE ISLAMICA DE SALVADOR - BA


Muçulmanos de Salvador comemorando o Eid apos o Ramadan, em 2011.

Para começar a serie com a historia das comunidades islâmicas do Brasil, resolvi começar com a mais conhecida das historias, a de Salvador – BA. Essa é a mais conhecida devido a Revolta dos Escravos islamizados locais no ano de 1835.
O Início: Não se sabe ao certo quando o Islam chegou a Salvador, porém a hipótese mais certa é que tenha chegado junto com os escravos tragos pelos portugueses da costa ocidental da África, de regiões onde hoje se encontram a Nigéria, o Benin e Guiné. Esta região africana foi dominada por povos árabes muito antes da chegada dos portugueses, e com isso a influencia árabe no local foi grande, levando aqueles povos a se converterem ao Islam. Aqui no Brasil, esses povos foram impedidos de praticarem suas crenças, porém por causa delas eles se mantiveram unidos. Uma Igreja construída por escravos dessas regiões foi erguida no século XVIII em Salvador, no atual bairro da Lapinha, e ate hoje ela conserva seu aspecto mouristico, tendo ela, inclusive, inscrições em árabe em varias partes da mesma.
A Revolta de 1835: Os escravos islamizados de Salvador se reuniam em varias reuniões secretas na cidade, e La planejaram uma revolta para a implantação de um estado islâmico no Brasil. Porém a revolta fracassaria por causa de traidores. Ela se deu em janeiro de 1835, e seus organizadores foram punidos exemplarmente. Essa revolta ficou conhecida como Revolta dos Malês.
O Islam Hoje: Depois dessa revolta o islam praticamente desapareceu da Bahia, só voltando a reaparecer significativamente já no fim do século XX. Hoje a comunidade islâmica de Salvador é formada por imigrantes árabes ou africanos principalmente de regiões como Burkina-Faso e Nigéria; e muitos brasileiros revertidos ao islam. Assim, este muçulmanos criaram o Centro Cultural Islâmico da Bahia (CCIB), localizado no bairro de Nazaré, e aberto de segunda a sábado. O Sheik Abdul Ahmad, nigeriano, eh o líder da comunidade. Apesar das muitas dificuldades, de acordo com o CCIB, em Salvador há mais de 800 muçulmanos, e um local de oração.


Sheik Abdul Ahmad, lider dos muçulmanos de Salvador.

Endereço do CCIB:
Rua Dom Bosco, nº 190 - Nazaré CEP: 40050-530 - Salvador – BA
Funcionamento: De Segunda a Sábado, das 8 as 16 horas.

Fontes:
http://www.ccib.org.br/ - Site da CCIB.
http://www.jornaldafacom.ufba.br/jornaldafacom2/v4/reportagens/reportagem_15.html - Matéria da Folha da Facom, de 2007 sobre o islam em Salvador.